Projeto Ilhas do Rio lança novo ciclo com novas linhas de pesquisa



Nesta quinta-feira, dia 09 de julho, o Projeto Ilhas do Rio lança oficialmente o novo ciclo de pesquisas, com novos patrocinadores e parceiros, que incluirá o monitoramento de tartarugas marinhas e da mastofauna terrestre, como morcegos e roedores que vivem nas ilhas.


Criado em 2010 pelo Instituto Mar Adentro, o Ilhas do Rio fez um levantamento da biodiversidade nas ilhas e segue monitorando os ecossistemas associados não só ao Monumento Natural das Ilhas Cagarras, mas também a outras ilhas, como Tijucas, Maricás e Cotunduba.


A pesquisa com as tartarugas será realizada em parceria com o Projeto Aruanã e coordenado pela pesquisadora Suzana Guimarães, que desde 2008 realiza o monitoramento dos animais na região da Baía de Guanabara e adjacências. A expectativa é que ainda este ano nós estejamos na água com eles para registrar o início desta nova linha de pesquisa do Ilhas do Rio.


Outras ações, que já faziam parte do projeto nas fases anteriores e seguem agora neste novo ciclo, incluem as atividades para retirada do capim-colonião e replantio de espécies nativas, o monitoramento dos peixes recifais e o acompanhamento de baleias e golfinhos. Além disso, o Ilhas do Rio também retoma as ações de educação, com foco na poluição marinha.


Esta nova fase conta com novos parceiros: o WWF Brasil, que fará a curadoria técnica do projeto; e os novos patrocinadores, a Associação IEP e a JGP.


Para apresentar as novidades, o Ilhas do Rio, em parceria com o Projeto Verde Mar e a Cumulus TV, vai fazer um webinar nesta quinta-feira, a partir das 17h. E o Programa Verde Mar ao vivo vai receber nos próximos quatro programas os pesquisadores do Ilhas do Rio para falar um pouco mais sobre este novo ciclo do projeto. Fiquem ligados!





0 visualização

© 2016 por Cumulus TV.